fabricadecursos_casewalmart_01

Contexto

O Walmart é uma empresa multinacional do ramo de varejo de alimentos, com lojas espalhadas pelo mundo. Walmart é a maior loja de varejo dos Estados Unidos. Com 11.000 lojas em 27 países diferentes, com 55 nomes diferentes. A companhia opera sob seu próprio nome nos Estados Unidos, incluindo seus 50 estados.

A maioria dos seus colaboradores trabalha nas lojas, não em postos administrativos, ou seja, em postos operacionais.

A capacitação dos colaboradores operacionais do Walmart no Brasil é realizada, principalmente, através de exemplos dados por colaboradores mais experientes durante os primeiros dias de trabalho.
 fabricadecursos_casewalmart_02

 

Desafio

O Walmart precisava transmitir as instruções de trabalho de forma clara e uniforme para todos os seus colaboradores em quatro posições operacionais: auxiliar de carrinho, empacotador, repositor e estoquista.

Este público tem baixa escolaridade, não possui cultura de treinamento e é formado, em sua maioria, por pessoas jovens com baixo poder de concentração e com características das gerações Y e Z.

Iniciativas anteriores de e-learning não foram atrativas e não conseguiram engajar este público. 

 

Solução

Foram desenvolvidos quatro cursos e-learning em formato Active Game Learning, um para cada tipo de operador de loja. Cada curso utilizou três estratégias principais e teve como objetivos principais:

  • Engajar os novos colaboradores.
  • Mostrar a importância do seu trabalho tanto para a empresa e, principalmente, para os clientes.
  • Apresentar todas as atividades e suas particularidades, de cada tipo de operação;
  • Avaliar o aprendizado.
  • Permitir a prática simulada das atividades a serem desempenhadas.
Foram utilizadas diferentes estratégias para alcançar estes objetivos:

  • Teaser motivacional, retratando as atividades e as interações sociais do colaborador, com outros colaboradores e com os clientes.
  • Active learning, com a apresentação e descrição das atividades e a exemplificação das situações mais comuns na rotina das lojas.
  • Jogos para fixar as atividades do colaborador e para permitir a simulação destas atividades antes do início do trabalho na loja.
  

fabricadecursos_casewalmart_03

 

Resultados

Os operadores de loja, tanto os novos como os antigos, puderam acessar um material único, como referência de suas atividades, com maior engajamento, devido à utilização de estratégias de gamificação.

Houve um aumento do engajamento dos novos operadores de loja, reconhecendo valor no material desenvolvido, percebendo a sua validade para o seu trabalho.

O jogo possibilitou a prática das atividades, o erro e a correção, a partir dos feedbacks.

  

Quais as melhores estratégias para o seu projeto EdTech?